Ford tem prejuízo acima do esperado de US$8,7 bi; ações caem

quinta-feira, 24 de julho de 2008 09:37 BRT
 

DETROIT, 24 de julho (Reuters) - A Ford (F.N: Cotações) divulgou nesta quinta-feira um prejuízo trimestral maior que o esperado de 8,7 bilhões de dólares afetada por queda nas vendas de grandes picapes e utilitários esportivos na América do Norte.

A companhia também prometeu adicionar à sua linha veículos menores, como parte de um realinhamento de sua estratégia diante dos altos preços da gasolina. As ações da montadora despencavam 9 por cento no pregão eletrônico.

O prejuízo líquido da Ford somou 3,88 dólares por ação no segundo trimestre ante lucro líquido de 750 milhões de dólares, ou 0,31 dólar por ação, um ano antes.

Excluindo encargos extraordinários de 8 bilhões de dólares, a Ford teve um prejuízo de 0,62 dólar por ação.

Analistas, em média, esperavam perda de 0,25 dólar por ação, segundo a Reuters Estimates.

Os itens não recorrentes incluíram encargos de 5,3 bilhões de dólares da Ford na América do Norte e de 2,1 bilhões de dólares da Ford Motor Credit por conta da deterioração das condições da economia.

A Ford, segunda maior montadora de veículos dos Estados Unidos, publicou um surpreendente lucro no primeiro trimestre, mas depois alertou para uma rápida mudança na demanda por carros grandes, por conta da elevação nos preços da gasolina.

A companhia informou que converterá três fábricas de grandes picapes e veículos utilitários esportivos para a produção de carros pequenos e vai dobrar a produção de motores de quatro cilindros até 2011.

A Ford abandonou sua antiga meta de retornar ao lucro em 2009 e adiou o lançamento da grande picape F150 redesenhada em dois meses para reduzir seus estoques.

(Por David Bailey)