PANORAMA2-Buffett anima, mas pacote não aprovado estressa

quarta-feira, 24 de setembro de 2008 17:53 BRT
 

Por Vanessa Stelzer

SÃO PAULO, 24 de setembro (Reuters) - O que os mercados realmentem queriam ver --uma definição sobre o pacote de 700 bilhões de dólares para o resgate do setor financeiro dos Estados Unidos-- ainda não veio, mas o mau humor foi em parte contrabalançado pelos 5 bilhões de dólares que Warren Buffett colocará no Goldman Sachs.

O resultado foi forte alta do dólar ante o real, mas algum ganho da Bovespa, em meio à volatilidade em Wall Street e nos juros futuros na BM&F.

"A confirmação do grupo Berkshire Hathaway, do megainvestidor Warren Buffett, de que vai investir 5 bilhões de dólares no Goldman, ajuda a amenizar o clima de aversão a risco, de tensão e de volatilidade dos mercados financeiros mundiais", disse Miriam Tavares, diretora de câmbio da AGK Corretora.

Buffett também disse que considera a compra de alguns ativos da seguradora AIG (AIG.N: Cotações), que foi salva do colapso pelo governo dos Estados Unidos.

Somadas a essas notícias, a alta das ações da Petrobras (PETR4.SA: Cotações) levou a Bovespa a subir mais de 2 por cento durante o pregão, encerrando o dia no terreno positivo. No câmbio, no entanto, permaneceu a cautela e o dólar avançou mais de 1 por cento sobre o real. Contra uma cesta de moedas .DXY, a moeda norte-americana subia 0,31 por cento.

Depois de oscilarem o dia todo entre o vermelho e o azul, as bolsas de valores dos Estados Unidos terminaram perto da estabilidade.

Veja como encerraram os principais mercados nesta quarta-feira:   Continuação...