Bernardo: governo cortará gasto para ajudar a combater inflação

sexta-feira, 25 de julho de 2008 18:14 BRT
 

BRASÍLIA, 25 de julho (Reuters) - O governo brasileiro irá cortar gastos numa tentativa de ajudar o Banco Central a combater a inflação, afirmou o ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo, nesta sexta-feira, sem detalhar quantias.

"O entendimento do governo é de ajudar o Banco Central a combater a inflação, nós também precisamos cortar", disse o minstro a jornalistas em Teresina após se encontrar com governadores da região.

Todas as áreas poderão ser afetadas, menos educação, saúde e programas sociais, afirmou Bernardo.

Os comentários vieram depois que o BC elevou a taxa de juro em 0,75 ponto percentual, para 13,0 por cento ao ano.

Mesmo com a taxa de juros em alta, o mercado acredita que a inflação pode superar o teto da meta do governo pela primeira vez desde 2003.

(Por Ana Nicolaci da Costa)