Mercado difícil faz Bosch prever descumprimento de meta de 2009

quinta-feira, 25 de setembro de 2008 09:08 BRT
 

HANOVER, Alemanha, 25 de setembro (Reuters) - A Bosch, maior fornecedora mundial de autopeças, não espera conseguir cumprir sua meta de crescimento de 5 por cento nas vendas de 2009, diante das condições difíceis do mercado, informou o presidente-executivo da companhia, Franz Fehrenbach, à Reuters.

"Nós esperamos atingir de novo um crescimento de vendas menor que 5 por cento em 2009", afirmou o executivo em entrevista durante uma feira de veículos. "Vamos passar por uma profunda queda em 2008 e 2009."

A Bosch já havia informado que não conseguiria gerar um crescimento de 5 por cento no faturamento este ano dada a acentuada desaceleração nas vendas de veículos em importantes mercados.

"Não se pode dar uma previsão mais precisa para este e o próximo ano dadas as atuais condições", disse o executivo, acrescentando que a companhia continuará lucrativa.

(Por Arno Schuetze)