VALE suspende fornecimento de minério a 4 produtoras de gusa

quinta-feira, 25 de outubro de 2007 16:18 BRST
 

SÃO PAULO, 25 de outubro (Reuters) - A Companhia Vale do Rio Doce (VALE5.SA: Cotações) informou nesta quinta-feira que rescindiu contratos de fornecimento de minério de ferro de quatro produtoras de ferro gusa da região Norte do Brasil, devido a problemas ambientais.

Segundo nota divulgada pela Vale, as rescisões afetam as empresas Companhia Siderúrgica do Pará S/A (Cosipar), Ferro Gusa do Maranhão Ltda (Fergumar), Siderúrgica do Maranhão S/A (Simasa) e Usina Siderúrgica de Marabá Ltda (Usimar).

A Vale havia anunciado recentemente que iria suspender o fornecimento a empresas de gusa que não comprovassem que operam dentro dos padrões ambientais e de acordo com a legislação trabalhista.

Há suspeita de que algumas das empresas que produzem gusa no Norte do Brasil utilizam carvão de áreas ilegais de desmatamento, assim como mão-de-obra em desacordo com a legislação.

A mineradora informou que outras quatro empresas (Itasider Usina Siderúrgica Itaminas S/A, Siderúrgica Ibérica do Pará S/A, Siderúrgica do Maranhão S/A e Siderúrgica Marabá S/A-Simara) deverão apresentar documentos suplementares para a conclusão de análise sobre suas atuações no setor.