HSBC corta 1.100 postos de trabalho em banco de investimento

sexta-feira, 26 de setembro de 2008 10:18 BRT
 

HONG KONG, 26 de setembro (Reuters) - O banco global HSBC (HSBA.L: Cotações) está cortando 1.100 empregos em sua operação de banco de investimento, ou 4 por cento do total da unidade, em meio à crise financeira internacional.

"Estamos fazendo por causa das condições do mercado e do ambiente econômico, e também por causa de nosso cenário cauteloso para 2009", disse o porta-voz do HSBC, Gareth Hewett, à Reuters, na sexta-feira.

"Os mercados continuam desafiadores e difíceis mas nossa estratégia nos deixa bem posicionados para a próxima onda do crescimento global, quando ela vier", acrescentou.

Os cortes somam-se aos mais de 80 mil registrados na indústria bancária nos últimos 18 meses, conforme a pior crise financeira desde a Grande Depressão se aprofunda. A crise causou uma mudança sem precedentes em Wall Street e o fim de instituições financeiras de renome como Bear Stearns e Lehman Brothers.

Cerca de 500 vagas serão cortadas na Inglaterra e outros 300 serão eliminados em outras regiões da Europa e Estados Unidos. Cerca de 100 ocorrerão em Hong Kong, onde estão as maiores operações do banco na Ásia.

(Por Tony Munroe)