PANORAMA2-Mau humor nos EUA afeta Brasil, mas não derruba bolsa

quarta-feira, 26 de março de 2008 17:58 BRT
 

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 26 de março (Reuters) - O pessimismo no mercado norte-americano trouxe volatilidade para os negócios no Brasil nesta quarta-feira, mas não foi suficiente para impedir a queda do dólar e a leve alta da Bolsa de Valores de São Paulo.

O mercado local mais afetado foi o de juros futuros, que assistiu à alta da maioria das projeções mesmo com a queda da inflação na prévia do índice oficial em março.

"Os mercados emergentes vão continuar a ser afetados pela onda gerada nos Estados Unidos pelo problema das hipotecas de alto risco (subprime), com a volatilidade financeira sendo mais uma regra do que uma exceção", disse Alfredo Coutino, economista da Moody's para a América Latina, em relatório.

A razão para o mau humor em Wall Street veio principalmente da queda das encomendas de bens duráveis em fevereiro. O resultado, cuja intensidade surpreendeu os analistas, deu mais uma sinal de fraqueza na maior economia do mundo.

"Eu acho que há mais provas de que a economia está em recessão e de que não há um final à vista no momento", disse Robert Macintosh, economista-chefe da Eaton Vance Management, em Boston.

Veja como encerraram os principais mercados nesta quarta-feira:

CÂMBIO BRBY   Continuação...