BOVESPA-Sadia e Aracruz trazem crise para Brasil e índice cai 2%

sexta-feira, 26 de setembro de 2008 17:11 BRT
 

SÃO PAULO, 26 de setembro (Reuters) - A Bolsa de Valores de São Paulo fechou a sessão desta sexta-feira em queda, após Sadia e Aracruz anunciarem perdas no mercado de derivativos, como consequência da crise financeira internacional.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa .BVSP recuou 1,99 por cento, para 50.796 pontos.

O giro financeiro do pregão foi de quase 5 bilhões de reais.

Apesar da influência do nervosismo dos mercados globais, que seguiram monitorando as negociações para aprovação de um plano para salvamento de grandes instituições financeiras dos Estados Unidos, o mercado acionário paulista acabou assumindo rota contrária à de Wall Street.

Na Bolsa de Nova York, o índice Dow Jones .DJI subiu 1,07 por cento.

Por aqui, profissionais do mercado disseram que o anúncio de Sadia e Aracruz instalou um clima de desconfiança entre os investidores, que passaram a especular se outras companhias podem ter sido atingidas pela crise.

Sadia SDIA4.SA teve uma derrocada de 35 por cento, a 6 reais, enquanto Aracruz ARCZ6.SA desabou 16 por cento, valendo 7 reais.

(Reportagem de Aluísio Alves; Edição de Vanessa Stelzer)