Iraque pede ao mundo perdão de dívida em conferência

terça-feira, 27 de maio de 2008 12:06 BRT
 

DUBAI (Reuters) - A comunidade internacional deveria dar mais apoio ao Iraque, perdoando suas dívidas em uma conferência que acontece na Suécia esta semana, disse o vice-premiê, Barham Saleh, em declarações publicadas na terça-feira.

"O mundo espera que o Iraque implemente reformas e mostre progresso", disse ele ao jornal árabe Asharq Awsat. "Agora é hora do mundo exterior cumprir suas promessas, por meio de ações de apoio, especialmente no que diz respeito ao perdão de dívidas e compensações que os iraquianos estão pagando pelos crimes de Saddam Hussein."

A Conferência Compacta de Inspeção Anual do Iraque deve começar na terça-feira e terá a presença da secretária de Estado norte-americana, Condoleezza Rice; do secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon; e do premiê iraquiano, Nuri al-Maliki.

Os Estados Unidos devem usar o encontro para incitar os Estados árabes sunitas a oferecer mais apoio ao governo do Iraque como forma de conter a influência não-árabe do Irã no país do Oriente Médio.

As conversas vão enfatizar o progresso na implementação da paz e o desenvolvimento de um plano para ajudar a reconstruir o Iraque mais de cinco anos depois da invasão liderada pelos Estados Unidos.