BCE pode cortar juro em sua próxima reunião, afirma Trichet

segunda-feira, 27 de outubro de 2008 15:25 BRST
 

Por Jason Webb

MADRI, 27 de outubro (Reuters) - O Banco Central Europeu (BCE) pode cortar a taxa básica de juro da zona do euro pela segunda vez em menos de um mês na próxima semana, afirmou o presidente Jean-Claude Trichet nesta segunda-feira.

"Eu considero possível que a diretoria (do banco central) corte a taxa de juros mais um vez em sua próxima reunião em 6 de novembro. Não é uma certeza, é uma possibilidade", Trichet afirmou em discurto em uma conferência bancária em Madri.

Apesar de o presidente não ter comentado o tamanho de um possível movimento, analistas confirmaram apostas em uma repetição da recente redução de 0,50 ponto percentual, quando o BCE e outros bancos centrais do mundo fizeram uma tentativa de impedir a intensificação da crise financeira.

Trichet afirmou que as turbulências dos mercados estão pressionando o crescimento econômico no curto prazo, o que também ameniza os temores inflacionários.

Ainda assim, ele ressaltou que o BCE apenas baixaria a taxa do atual nível de 3,75 se as perspectivas de inflação justificarem tal movimento.

"Levando em conta o atual declínio dos preços das commodities junto a um significativo enfraquecimento da demanda, os riscos para a estabilidade dos preços diminuíram", disse ele.