ATUALIZA-Skinheads são presos acusados de planejar matar Obama

segunda-feira, 27 de outubro de 2008 21:31 BRST
 

(Texto reescrito e atualizado com declarações de agente)

Por Deborah Charles

WASHINGTON, 27 de outubro (Reuters) - Dois skinheads que tinham planos de matar uma série de pessoas e eventualmente assassinar o candidato democrata à Presidência dos EUA, Barack Obama, foram presos no Tennessee, mostraram documentos de um tribunal na segunda-feira.

Daniel Cowart e Paul Schlesselman foram acusados em um processo criminal de fazer ameaças a um candidato presidencial, posse ilegal de armas e conspiração para assaltar uma loja de armas.

Os planos para matar Obama não estavam muito avançados e não eram muito sofisticados, de acordo com os documentos.

"Não estamos certos da capacidade dos dois ou se eles têm os meios necessários para concretizar suas ameaças", disse uma fonte próxima à investigação.

Obama se tornará o primeiro presidente negro da história dos Estados Unidos caso vença o republicano John McCain na eleição de 4 de novembro. As preocupações com a segurança de Obama levaram o Serviço Secreto a dar proteção 24 horas por dia ao democrata desde o início de sua campanha.

Os suspeitos se conheceram na Internet há cerca de um mês, segundo um depoimento juramentado de Brian Weaks, agente especial do Escritório de Álcool, Tabaco, Armas de Fogo e Explosivos.   Continuação...