27 de Março de 2008 / às 20:36 / 9 anos atrás

PANORAMA2-BC eleva tom contra inflação e movimenta juro futuro

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 27 de março (Reuters) - O Banco Central engrossou a voz contra a inflação nesta quinta-feira, aumentando a expectativa do mercado quanto a uma elevação do juro básico.

No Relatório de Inflação do primeiro trimestre, o BC projetou IPCA acima do centro da meta em 2008. A jornalistas, o diretor de Política Econômica do BC, Mario Mesquita, disse que “os bancos centrais têm que agir de forma preventiva” para evitar um aperto monetário mais amargo no futuro.

No mercado de juros futuros, a maioria das projeções subiu.

“O Relatório de Inflação mostra três vibrantes luzes verdes para o Banco Central tomar a sensata decisão de elevar a Selic em 0,25 ponto percentual na reunião de 16 de abril”, escreveram analistas do Goldman Sachs em relatório.

Mas Zeina Latif, economista do ABN Amro Real, ponderou que “o tempo está do lado do BC, com a provável moderação da atividade daqui para a frente devido ao menor impulso monetário a ser materializado”. Ela não crê em alta da Selic no mês que vem.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) e o mercado de câmbio acompanharam a volatilidade internacional.

Em Nova York, as principais bolsas de valores encerraram em queda. O destaque negativo ficou para o setor financeiro e o de tecnologia, afetado pelo resultado decepcionante da Oracle ORCL.O.

Veja como encerraram os principais mercados nesta quinta-feira:

CÂMBIO BRBY

O dólar terminou a 1,737 real, em alta de 0,58 por cento. O volume do segmento interbancário foi de 5,86 bilhões de dólares.

BOLSA .BVSP

O Ibovespa caiu 1,06 por cento, a 60.761 pontos. O volume financeiro na bolsa foi de 4,3 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS .BR20

O índice de principais ADRs brasileiros fechou em baixa de 1,57 por cento, aos 35.167 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

A maioria dos contratos de depósito interfinanceiro (DI) fechou em alta na BM&F. O DI janeiro de 2009 subiu a 12,30 por cento, enquanto o DI janeiro de 2010 ficou estável em 13,25 por cento.

GLOBAL 40 BRAGLB40=RR

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, subia para 133,813 por cento do valor de face no final da tarde, oferecendo rendimento de 5,38 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS 11EMJ

No final da tarde, o risco Brasil cedia 6 pontos, a 271 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 294 pontos-básicos.

BOLSAS DOS EUA

O índice Dow Jones .DJI caiu 0,97 por cento, a 12.302 pontos. O Nasdaq .IXIC perdeu 1,87 por cento, para 2.280 pontos. O índice S&P 500 .SPX registrou desvalorização de 1,15 por cento, aos 1.325 pontos.

TREASURIES DE 10 ANOS US10YT=RR

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, recuava e o rendimento subia para 3,55 por cento no final da tarde ante 3,46 por cento na quarta-feira.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de notícias da Reuters pelo código PAN/SA)

Reportagem adicional de Aluísio Alves, Cláudia Pires e Vanessa Stelzer; Edição de Daniela Machado

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below