Merrill deve registrar US$5,4 bi em baixas contábeis, diz Lehman

sexta-feira, 27 de junho de 2008 11:31 BRT
 

BANGALORE, Índia, 27 de junho (Reuters) - O Merrill Lynch MER.N provavelmente incorrerá em 5,4 bilhões de dólares em baixas contábeis no segundo trimestre, geradas principalmente por sua exposição a seguradoras de bônus, afirmou um analista do Lehman Brothers, que também vê prejuízos trimestrais crescentes na maior corretora do mundo.

O analista Roger Freeman elevou sua visão de baixa contábil em 3 bilhões de dólares para o Merrill, fazendo de sua estimativa a mais alta entre os analistas de Wall Street. Até a revisão do analista do Lehman, observadores do mercado esperavam que as baixas contábeis fiquem entre 3,5 bilhões e 4,2 bilhões de dólares.

Além das baixas contábeis vinculadas à exposição às seguradoras, o analista afirma que está incorporando perdas relacionadas a hipotecas de alto risco

O analista elevou sua estimativa de prejuízo do Merrill para 2,78 dólares por ação no segundo trimestre ante previsão anterior de perda de 0,64 dólar. Para o ano, ele vê perdas de 2,99 dólares por ação ante perspectiva anterior de 0,53 dólar.

(Reportagem de Tenzin Pema)