Para Weber, do BCE, falar sobre corte de juro é prematuro

quarta-feira, 27 de agosto de 2008 09:09 BRT
 

FRANKFURT, 27 de agosto (Reuters) - O diretor do Banco Central Europeu (BCE), Axel Weber, afirmou nesta quarta-feira que falar sobre corte de juro na zona do euro é prematuro.

Weber disse à agência de notícias Bloomberg que o juro a 4,25 por cento ainda indica uma política monetária mais expansionista do que neutra. Ele disse ainda que a inflação não vai necessariamente ceder por conta do crescimento econômico mais lento.

"A política monetária está neste momento, grosso modo, onde deveria estar e eu acho que a discussão sobre taxa em declínio na Europa é prematura", disse Weber.

"Se a perspectiva econômica melhorar de alguma forma até o fim do ano e no próximo, o que eu ainda espero, nós teremos de ver se será necessária alguma ação".

A inflação na região dos 15 nações que usam o euro como moeda está em 4,0 por cento, o maior patamar em 16 anos, puxada pelo aumento no preço dos alimentos e do petróleo este ano, e tem reduzido o poder de compra dos europeus e o lucro das empresas.

Mas o BCE tentou lidar com o problema em julho ao aumentar a taxa de juro em 0,25 ponto percentual para 4,25 por cento.

(Reportagem de Krista Hughes)