Presidente do BC do Chile aposta em novos aumentos do juro

quarta-feira, 27 de agosto de 2008 14:19 BRT
 

SANTIAGO, 27 de agosto (Reuters) - O banco central do Chile provavelmente terá de aumentar ainda mais o juro para combater a inflação, apesar da taxa já estar em seu patamar mais alto em uma década, disse o presidente do BC, José de Gregorio, nesta quarta-feira.

"No cenário mais provável, nós estimamos que será necessário continuar aumentando a taxa de juro para garantir a convergência com a meta de inflação", disse José de Gregorio em um discurso.

A inflação está no patamar mais alto desde 1994, praticamente o triplo da meta de 3 por cento para o período de 12 a 24 meses do BC chileno.

(Reportagem de Rodrigo Martinez)