BOVESPA-Índice resiste à pressão de NY e fecha em alta de 0,6%

sexta-feira, 27 de junho de 2008 17:13 BRT
 

SÃO PAULO, 27 de junho (Reuters) - A Bolsa de Valores de São Paulo resistiu à influência negativa dos mercados internacionais e fechou os negócios desta sexta-feira com leve alta.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa .BVSP subiu 0,59 por cento, aos 64.321 pontos. O giro financeiro na bolsa foi de 5,55 bilhões de reais.

O destaque positivo do pregão foi o setor elétrico, após o resultado do leilão de concessões de linhas de transmissão realizado pela Aneel, a agência reguladora do setor.

As ações ordinárias da Eletrobrás (ELET3.SA: Cotações) subiram 4,55 por cento, a 29,90 reais. Por meio da Eletronorte, participante de um consórcio, a Eletrobrás venceu a disputa pelos principais lotes.

Entre as ações de maior peso no Ibovespa, as preferenciais da Petrobras (PETR4.SA: Cotações) subiram 0,9 por cento, a 45,30 reais, enquanto as preferenciais da Vale (VALE5.SA: Cotações) tiveram ganho de 0,1 por cento, valendo 47,06 reais.

(Reportagem de Aluísio Alves; Edição de Daniela Machado)