CNT/Sensus mostra que 50,4% apóiam nova candidatura de Lula

segunda-feira, 28 de abril de 2008 12:28 BRT
 

Por Ana Nicolaci da Costa

BRASÍLIA (Reuters) - Uma maioria estreita aprova uma mudança na Constituição para que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva possa se candidatar novamente à reeleição, mostrou nesta segunda-feira pesquisa da Confederação Nacional do Transporte, feita pelo instituto Sensus.

Entre os entrevistados, que responderam pela primeira vez a tal pergunta, 50,4 por cento são favoráveis à mudança constitucional para que Lula tente um terceiro mandato. Os contrários totalizaram 45,4 por cento e 4,3 por cento não souberam responder.

Como a margem de erro da pesquisa é de 3 pontos percentuais, os índices não podem ser considerados definitivos.

"Tecnicamente há um empate, mas ainda é um apoio muito expressivo à possibilidade de terceiro mandato", disse o diretor do instituto Sensus, Ricardo Guedes.

Na hipótese de poder se candidatar a novo mandato, Lula foi confrontado apenas com o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), e teve 51,1 por cento das intenções de voto. Serra ficou com 35,7 por cento.

A avaliação do governo Lula bateu novo recorde recorde em abril, e chegou a 57,5 por cento ante 52,7 por cento em fevereiro, mês do levantamento anterior. Já a avaliação negativa oscilou de 13,7 por cento para 11,3 neste mês.

O desempenho pessoal do presidente Lula foi aprovado por 69,3 por cento dos entrevistados, contra 66,8 por cento na sondagem anterior.

O diretor do Sensus atribuiu a popularidade de Lula ao aumento da renda e ao crescimento econômico.   Continuação...