Vendas de moradias nos EUA caem mais que o esperado

segunda-feira, 28 de janeiro de 2008 14:19 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - As vendas de imóveis novos nos Estados Unidos caíram 4,7 por cento em dezembro para o menor nível em quase 13 anos, enquanto a mediana dos preços despencou, segundo dados do governo divulgados nesta segunda-feira.

As vendas de novas moradias caíram para uma taxa anual de 604 mil unidades, ante dado revisado para baixo de 634 mil em novembro.

Economistas entrevistados pela Reuters esperavam que as vendas caíssem para uma taxa anual de 640 mil frente aos dados anteriores de novembro de uma taxa de 647 mil.

"É uma grande queda e mostra claramente que o mercado imobiliário continua se deteriorando", disse Kurt Karl, economista chefe da Swiss Re em Nova York. "A oferta está crescendo e não há sinais de que a demanda irá fazer o mesmo no curto prazo".

Os preços dos títulos reduziram as perdas após o anúncio dos dados das vendas abaixo do esperado, enquanto o dólar caiu frente ao iene. Os índices futuros de Wall Street também caíram após os números.

Em dezembro, o preço mediano das moradias recuou 10,9 por cento para 219 mil dólares ante novembro. Existiam 495 mil imóveis à venda até o final do mês, uma queda de 1,4 por cento frente a novembro.

(Reportagem de Patrick Rucker)