CÂMBIO-Sem surpresa no exterior, dólar opera quase estável

segunda-feira, 28 de abril de 2008 11:05 BRT
 

SÃO PAULO, 28 de abril (Reuters) - O dólar operava praticamente estável nesta segunda-feira, monitorando o mercado internacional no início de uma semana carregada de eventos econômicos. Às 11h, a moeda norte-americana BRBY era cotada a 1,668 real, com variação positiva de 0,06 por cento.

O mercado de câmbio repetia o comportamento de sexta-feira, reagindo às oscilações do cenário externo, enquanto espera a decisão do Federal Reserve sobre o juro norte-americano. O anúncio será feito na quarta-feira.

"O mercado hoje não tem índices lá fora que possam influenciar uma maior volatilidade (do dólar diante do real)", afirmou Gerson de Nobrega, gerente da tesouraria do Banco Alfa de Investimento.

"Essa decisão que vai ser tomada (na quarta-feira) é que vai dar uma visão para tomada de decisão", acrescentou Nobrega. Para ele, o dólar tende a ter baixa volatilidade nesta sessão.

O Banco Central divulgou que o déficit em transações correntes atingiu 4,4 bilhões de dólares em março, ante superávit de 235 milhões de dólares no mesmo mês do ano passado. Em 12 meses até março, o déficit corresponde a 0,71 por cento do Produto Interno Bruto (PIB).

"O relatório de março confirmou que o Brasil agora está em um ambiente negativo para a conta de transações correntes, deixando o comportamento do real mais dependente do volátil fluxo da conta de capitais --que até o momento tem sido capaz de dar suporte à moeda", escreveu Diego Donadio, analista do BNP Paribas, em relatório.

Os investimentos estrangeiros diretos somaram 3,083 bilhões de dólares em março, acima dos 2,766 bilhões de dólares registrados no mesmo mês do ano passado.

(Por Silvio Cascione; Edição de Daniela Machado)