Petrobras cria empresa para projetos de alcoolduto

sexta-feira, 28 de março de 2008 20:31 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras anunciou nesta sexta-feira que acertou com a japonesa Mitsui e a brasileira Camargo Correa a criação da PMCC Projetos de Transporte de Álcool S.A., para construir um alcoolduto entre Senador Canedo (GO) e Paulínia (SP).

Além do alcoolduto, informou a estatal no seu site na Internet, os parceiros construirão o trecho que interligará a hidrovia Tietê-Paraná ao Terminal de Paulínia. O alcoolduto integra o corredor de exportação de etanol iniciado no Terminal de Senador Canedo e passa pela cidade mineira de Uberaba, além das paulistas Ribeirão Preto, Paulínia e Guararema.

De acordo com o diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, a criação da empresa ajuda a desenvolver o mercado internacional de etanol e garante a liderança brasileira na área de biocombustíveis, já que o país poderá oferecer preços competitivos para a exploração por conta da melhora da logística do setor.

No dia 12 de março, a Petrobras e a Mitsui assinaram documentos para a constituição de uma empresa no Brasil que investirá em projetos de bioenergia, principalmente etanol, para envio ao mercado japonês.

A Petrobras divulgou neste mês que em um prazo de três meses seria criada a empresa de biocombustíveis da estatal, ainda sem nome mas já apelidada de Biobras.

(Reportagem de Maurício Savarese)