Financiamento da Vale para compra da Xstrata seria de US$40 bi

segunda-feira, 28 de janeiro de 2008 17:48 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - Um pacote de financiamento para a potencial aquisição da mineradora Xstrata pela Vale é avaliado entre 30 e 40 bilhões de dólares, relataram fontes nesta segunda-feira à Reuters Loan Pricing Corp.

Embora ainda estejam em estágio preliminar, as negociações se concentram em um preço que varia de 80 a 100 bilhões de dólares pela empresa anglo-suíça.

A Vale relatou em um comunicado anterior que, apesar de estar em conversas com bancos para financiar tal acordo, "as condições correntes do mercado internacional de capitais representam um grande desafio no contexto de qualquer movimento estratégico de porte", e ressaltou que manterá sua "postura de prudência".

Uma fonte próxima ao acordo, que não deseja ser identificada, disse que o HSBC e o Santander são dois dos bancos que podem estar envolvidos na liderança do financiamento para a compra da Xstrata .

O grupo de bancos que vai liderar o financiamento deve incluir entre sete e 10 instituições, e o capital deve ser levantado internacionalmente.

Uma fonte do setor bancário relatou que se a aquisição for concretizada, a classificação da Vale deve ser reduzida.

A classificação da Vale caiu em duas notas, de "Baa1" para "Baa3", pela Moody's Investors Service, e em uma nota, de "BBB-plus" para "BBB", pela Standard & Poor's, após a aquisição da mineradora canadense de níquel Inco no final de 2006.

A última grande aquisição da Vale --a compra da Inco por 17,6 bilhões de dólares-- foi financiada com um empréstimo-ponte de 18 bilhões de dólares, que levou a compromissos de 30 bilhões de dólares.

(Reportagem de Smita Madhur)