Desemprego na América Latina cai pelo 5o ano em 2007, diz OIT

segunda-feira, 28 de janeiro de 2008 16:10 BRST
 

LIMA/SANTIAGO (Reuters) - O desemprego na América Latina diminuiu pelo quarto ano consecutivo em 2007 e deve manter essa tendência em 2008, mas uma eventual recessão nos Estados Unidos pode deteriorar os bons resultados macroeconômicos, disse a Organização Internacional do Trabalho.

Segundo um relatório divulgado pela entidade nesta segunda-feira, o desemprego na região fechou o ano em 8,2 por cento. Para 2008, a previsão é de uma taxa de 7,9 por cento.

"Se em 2008 for confirmada a projeção de crescimento econômico de 4,7 por cento, a taxa de desemprego chegará a 7,9 por cento, o que levaria a região a níveis não registrados desde a década de 1990", disse a OIT em comunicado.

O desemprego latino-americano vem caindo desde 2002, quando atingiu 11,4 por cento.

O incerto panorama da economia dos Estados Unidos, no entanto, poderia impactar os prognósticos da OIT para o ano.

"O baixo dinamismo projetado para a economia dos Estados Unidos representa um fator de risco para a região."

(Por Marco Aquino e Antonio de la Jara)