Conserto de refinaria alvo da Petrobras acaba em maio--fontes

segunda-feira, 28 de abril de 2008 16:05 BRT
 

HOUSTON (Reuters) - Os reparos na unidade de destilação a vácuo de petróleo da refinaria de Aruba da Valero Energy Corp's, alvo de compra da Petrobras, devem terminar até meados de maio, de acordo com fontes familiares às operações.

A venda da refinaria, de capacidade de 275 mil barris por dia, para a Petrobras deve ser finalizada em breve, assim que os consertos forem finalizados, disseram as fontes.

O porta-voz da Valero, Bill Day, recusou-se a discutir a previsão para o fim dos consertos.

"Não estamos dizendo quando os reparos acontecerão porque eles estão ligados à venda", disse Day.

O chefe-executivo da Valero, Bill Klesse, afirmou que a venda será concluída no segundo trimestre do ano.

Jorge Zelada, diretor da área internacional da Petrobras, afirmou neste mês que o Conselho da estatal iria votar sobre a compra em abril, após novas avaliações dos reparos que estão sendo feitos na unidade.

Fontes familiares às negociações entre as duas empresas afirmaram que a Petrobras concordou em comprar a refinaria por cerca de 2,8 bilhões de dólares antes de um incêndio em 25 de janeiro ter causado prejuízos à unidade.

(Por Erwin Seba)