Superávit do governo central sobe a R$10 bilhões em outubro

quarta-feira, 28 de novembro de 2007 16:10 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - O governo central fechou outubro com um superávit primário em suas contas de 10,01 bilhões de reais, ante resultado positivo de 38,7 milhões de reais no mês anterior, informou o Tesouro Nacional nesta quarta-feira.

Em outubro do ano passado, o superávit primário foi de 6,850 bilhões de reais.

A recuperação das contas frente a setembro se explica porque, naquele mês, o governo antecipou o pagamento de metade do 13o salário a aposentados e pensionistas. A outra metade do benefício será paga em dezembro.

O governo central é formado por Tesouro, Previdência e Banco Central.

No mês passado, o Tesouro registrou um superávit primário de 12,771 bilhões de reais; a Previdência teve um déficit de 2,694 bilhões de reais e o BC, déficit de 65,6 milhões de reais.

No ano, o superávit primário acumulado pelo governo central é de 61,657 bilhões de reais, equivalente a 2,96 por cento do Produto Interno Bruto (PIB). De janeiro a outubro do ano passado, o superávit foi de 55,018 bilhões de reais, o que correspondia a 2,89 por cento do PIB.

(Reportagem de Isabel Versiani; Edição de Renato Andrade)