Atividade industrial em SP cresce 2,7%, uso da capacidade sobe

quinta-feira, 29 de novembro de 2007 11:18 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A produção industrial de São Paulo cresceu 2,7 por cento em outubro sobre setembro, segundo dados com ajuste sazonal divulgados nesta quinta-feira por entidade representativa do setor.

Na comparação com outubro de 2006, a expansão foi de 9,4 por cento, sem ajuste sazonal, de acordo com a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

No ano, a atividade industrial em São Paulo acumula crescimento de 5,7 por cento.

O desempenho da indústria paulista em setembro frente a agosto, com ajuste sazonal, foi revisto de queda de 1 por cento para baixa de 0,6 por cento.

As vendas reais da indústria aumentaram 4,2 por cento na comparação mensal, sem ajuste sazonal, e cresceram 4,8 por cento frente a outubro do ano passado, acumulando em 2007 alta de 4,1 por cento.

A utilização da capacidade instalada atingiu 84,1 por cento em outubro, ante 83,0 por cento em setembro e 80,8 por cento em igual mês de 2006.

Entre os setores pesquisados, os que apresentam maior nível de uso da capacidade são Coque, refino de petróleo e produção de álcool (96,4 por cento) e Metalurgia básica (94,6 por cento).

(Reportagem de Cesar Bianconi)