Para Vale, negociação do preço do minério está aberta

quinta-feira, 29 de novembro de 2007 18:49 BRST
 

Por Andrei Khalip e Rodrigo Viga Gaier

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Vale, maior produtora de minério de ferro do mundo, já iniciou conversas preliminares com clientes para as negociações anuais do preço do produto, disse o presidente da companhia Roger Agnelli nesta quinta-feira.

Esta é a época do ano em que a Vale começa a negociar com os principais clientes, particularmente os da Ásia. A China é a maior importadora de minério do mundo, com 24 por cento de suas compras vindo do Brasil.

Em um evento para lançar a nova marca da Vale, Agnelli não disse o tamanho do aumento que a companhia poderia propor, mas afirmou que, pela situação de mercado, "que está fortemente demandado por recursos naturais ... a sinalização é de alta".

Ele observou que a demanda por minério de ferro continua mais forte do que a capacidade de produção das empresas, fator que sustenta a tendência de elevação dos preços do produto.

"Não vemos uma mudança de tendência no curto prazo", disse Agnelli a jornalistas no Rio, acrescentando que as conversas preliminares sobre o preço já começaram.

Analistas esperam que o preço aumente a partir de abril de 25 a 35 por cento, depois de um aumento de 9,5 por cento neste ano.

Segundo o presidente da companhia, o desafio nas negociações sobre o aumento do preço do minério de ferro será encontrar um equilíbrio entre o forte crescimento dos países do Oriente e uma expansão mais moderada no Ocidente.

Ele ainda rejeitou preocupações sobre um eventual enfraquecimento da economia nos Estados Unidos.   Continuação...