Bush: preço recorde da gasolina se deve a produção incompatível

terça-feira, 29 de abril de 2008 13:35 BRT
 

WASHINGTON, 29 de abril (Reuters) - O presidente norte-americano, George W. Bush, afirmou nesta terça-feira que os preços da gasolina estão em níveis recordes porque a produção global de petróleo não está acompanhando o ritmo da demanda.

"Uma das principais razões para os altos preços do combustível é que a produção global não está acompanhando o crescimento da demanda", disse Bush em entrevista coletiva.

Os Estados Unidos, disse Bush, alertaram a Arábia Saudita que os altos preços do petróleo prejudicam a economia global.

O presidente disse ainda que irá considerar propostas para baixar os preços da gasolina, que estão em nível recorde a 3,60 dólares por galão, incluindo um imposto diferenciado sobre a gasolina nas férias de verão (no hemisfério norte).

Mas Bush disse que não irá considerar uma proposta democrata no Congresso para interromper o direcionamento de petróleo para as reservas emergenciais norte-americanas.

(Reportagem de Chris Baltimore e Tom Doggett)