BOLSA EUROPA-Índice cai com Dexia e Fortis impactando bancos

segunda-feira, 29 de setembro de 2008 08:06 BRT
 

Por Joanne Frearson

LONDRES, 29 de setembro (Reuters) - As bolsas de valores da Europa registravam fortes perdas nesta segunda-feira, pressionadas por temores sobre nacionalizações e liquidez. O receio dos investidores impacta ações de bancos e ofuscam as expectativas em torno do pacote dos Estados Unidos de resgate do setor financeiro e orçado em 700 bilhões de dólares.

Às 8h02 (horário de Brasília), o índice das principais ações européias FTSEurofirst 300 .FTEU3 tinha queda de 3,2 por cento, para 1.069 pontos, intensificando baixa registrada mais cedo.

O grupo belgo-holandês Fortis FOR.BR foi nacionalizado no domingo, depois de negociações emergenciais com o presidente do Banco Central Europeu, Jean-Claude Trichet.

O Fortis é o primeiro grande banco da zona do euro a sucumbir desde os defaults de hipotecas nos Estados Unidos que deram início à turbulência financeira global em agosto do último ano. As ações da instituição despencavam 9,8 por cento.

"As nacionalizações têm uma leitura incrivelmente negativa para o setor", disse Mark Sartori, diretor de operações de vendas européias na Fox-Pitt. "O contágio está se espalhando pelo continente europeu e todos estão se perguntando: quem é o próximo?", acrescentou Sartori.

O índice do setor bancário europeu DJ Stoxx European despencava 5,8 por cento.

O Dexia DEXI.PA, banco belgo-francês rival do Fortis, via duas ações afundarem 28,2 por cento, após uma reportagem do jornal Le Figaro afirmar que o banco pode fazer um aumento de capital emergencial.

Um porta-voz do Dexia disse que a instituição continua a avaliar uma resposta à atual crise financeira global, não comentando nenhum aumento de capital. Ele disse que a situação de liquidez da instituição é totalmente saudável.   Continuação...