Petróleo bate novo recorde de alta por México e dólar fraco

segunda-feira, 29 de outubro de 2007 09:27 BRST
 

LONDRES, 29 de outubro (Reuters) - Os preços internacionais do petróleo operavam em alta pelo terceiro dia consecutivo nesta segunda-feira, superando a barreira dos 93 dólares por barril, puxado pela rápida interrupção de um quinto da produção no México e a fraqueza do dólar.

O petróleo nos Estados Unidos CLc1, que atingiu novo recorde de alta a 93,20 dólares o barril, subia às 9h15 (horário de Brasília) 0,93 dólar, cotado da 92,80 dólares por barril.

Em Londres, o tipo Brent LCOc1 avança 0,68 dólar, a 89,37 dólares o barril.

Os preços da commodity subiam nesta segunda-feira depois que a companhia estatal de petróleo do México, Pemex, informou que interrompeu a produção de cerca de 600 mil barris por dia por conta do mau tempo no Golfo do México.

Um porta-voz da empresa disse que a Pemex deve retomar a produção imediatamente, uma vez que o clima frio melhore em dois dias. Os três principais terminais exportadores do México ficaram fechados no domingo.

O dólar atingiu novo patamar recorde de baixa frente uma cesta de moedas na expectativa de um corte da taxa de juro pelo Federal Reserve nesta semana e, provavelmente, uma outra vez ainda neste ano.