FBI investiga 14 empresas em ação sobre crise de hipotecas

terça-feira, 29 de janeiro de 2008 21:41 BRST
 

WASHINGTON, 29 de janeiro (Reuters) - O FBI iniciou investigações sobre 14 corporações como parte de uma ação contra irregularidades em empréstimos de alto risco (subprime), informou a agência federal norte-americana.

Autoridades do FBI relataram a repórteres que os inquéritos envolvem potenciais violações incluindo fraude contábil e informações privilegiadas.

Elas não identificaram as companhias, mas disseram que os inquéritos incluem incorporadoras, concessoras de empréstimos de alto risco, companhias seguradoras de financiamentos e bancos de investimentos que os realizam.

Os casos podem levar a potenciais acusações criminais e cíveis, relataram as autoridades.

O FBI acrescentou que investiga os casos com a Securities and Exchange Commission (SEC), que abriu dezenas de investigações sobre o colapso do mercado imobiliário de risco.

Alvos da investigação da SEC incluem o banco suíço UBS AG UBSN.VX e os bancos norte-americanos de investimentos Morgan Stanley (MS.N: Cotações), Merrill Lynch MER.N, Bear Stearns BSC.N, assim como a seguradora MBIA (MBI.N: Cotações). Não ficou claro se estas companhias faziam parte do inquérito do FBI.

(Reportagem de Randall Mikkelsen; reportagem adicional de Karey Wutkowski)