PANORAMA2-Mercado se retrai à espera de decisão do Fed

terça-feira, 30 de outubro de 2007 18:32 BRST
 

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 30 de outubro (Reuters) - A proximidade da decisão do Federal Reserve sobre o juro norte-americano trouxe cautela para o mercado nesta terça-feira. Sem a mesma confiança em um corte como nos últimos dias, as ações patinaram e o dólar teve apenas uma leve queda no Brasil.

A cautela surgiu com artigo de Greg Ip, comentarista do Wall Street Journal, publicado nesta terça-feira, afirmando que a redução da taxa básica de juro --atualmente a 4,75 por cento-- "não é uma certeza".

"Hoje o mercado acordou um pouco mais pessimista em relação à perspectiva de corte do juro do Federal Reserve, e também já trabalha com um grau de incerteza maior quanto à sua próxima reunião", disse Kelly Trentin, da corretora SLW.

Isso azedou o otimismo da véspera, quando as bolsas subiram em todo o mundo em meio à aposta de que os juros norte-americanos terão nova queda na tarde de quarta-feira. A decisão será anunciada às 16h15 (horário de Brasília).

Nesta terça, os investidores na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) aproveitaram o clima de expectativa e embolsaram parte dos ganhos acumulados nos últimos pregões, quando o índice Ibovespa bateu novos recordes de alta.

O dólar ameaçou seguir o mesmo caminho, e subiu no começo do dia em meio a ajustes de posição. A contínua entrada de moeda no país, no entanto, determinou a queda do dólar no final da sessão, ainda que em ritmo mais fraco em comparação com os últimos dias.

Na agenda econômica local, o mercado recebeu os números da inflação de outubro medida pelo IGP-M. A taxa desacelerou menos que o esperado por conta da persistente pressão dos alimentos, e registrou alta de 1,05 por cento no mês.

O efeito do índice, porém, foi limitado no mercado de juros futuros brasileiro. Ao final do pregão, os contratos de depósito interfinanceiro (DI) ficaram sem tendência definida.   Continuação...