30 de Outubro de 2007 / às 21:12 / em 10 anos

BOVESPA-Ressabiado sobre decisão do Fed, mercado embolsa lucros

(Texto atualizado com fechamento oficial e comentário sobre Fed e resultado da Klabin)

Por Juliana Siqueira

SÃO PAULO, 30 de outubro (Reuters) - Uma matéria do Wall Street Journal publicada nesta terça-feira deixou o mercado com o pé atrás sobre a decisão que o Federal Reserve tomará na quarta-feira e investidores preferiram vender ações após fortes movimentos de compras nos últimos dias.

O principal indicador da bolsa paulista .BVSP terminou em baixa de 1,02 por cento, quase na mínima do dia, a 64.383 pontos, depois de fechar em recorde histórico na véspera.

“Hoje o mercado acordou um pouco mais pessimista em relação à perspectiva de corte de juro do Federal Reserve, e também já trabalha com um grau de incerteza maior quanto à sua próxima reunião em dezembro”, disse Kelly Trentin, analista da corretora SLW.

Também pesaram resultados nos Estados Unidos que deixaram a desejar --como o da Procter & Gamble-- e a queda da confiança do consumidor ao menor nível em dois anos.

Em Wall Street, o Dow Jones .DJI recuou 0,56 por cento e o índice de principais ADRs brasileiros .BR20 perdeu 1,28 por cento.

O responsável no WSJ pelo acompanhamento do Fed, Greg Ip, conhecido por algumas vezes refletir as visões de representantes sêniores do banco central, disse que o declínio do mercado imobiliário não foi severo o suficiente para alterar a previsão do Fed de retorno a crescimento moderado no ano que vem. Um corte de 0,25 ponto, segundo ele, não é certeza e as autoridades não consideram redução de 0,5 ponto.

Na véspera, a aposta em corte de 0,25 ponto estimulou a compra de ações no mundo inteiro. Houve até quem especulasse sobre um corte de 0,5 ponto.

“Há incerteza sobre o que o Fed vai fazer amanhã e isso está pesando sobre o mercado”, disse Bucky Hellwig, vice-presidente-sênior da Morgan Asset Management, em Birmingham, Alabama.

“Alguns lucros também decepcionaram e os guidances não animaram, então há uma sensação de que se o Fed não ajudar, o quarto trimestre e o primeiro podem ver crescimento econômico até menor”, acrescentou.

No Brasil, o IGP-M acima do esperado também não ajudou. Para o economista do Unibanco Adriano Lopes, a persistência das pressões sobre o índice aumenta a chance de que a elevação dos preços regulados em 2008 seja maior que neste ano, o que pode impor cautela adicional à política monetária.

Mesmo com a queda desta sessão, o Ibovespa ainda acumula valorização de 6,5 por cento em outubro, que segue a alta de quase 11 por cento de setembro.

BLUE CHIPS PUXAM QUEDA

Petrobras (PETR4.SA) e Companhia Vale do Rio Doce (VALE5.SA), que lideraram os ganhos na véspera, derrubaram o Ibovespa nesta terça-feira. As ações da estatal caíram 3,86 por cento, para 70,02 reais, seguindo a queda do preço do petróleo no mercado internacional.

Já os papéis da mineradora perderam 2 por cento, para 53,90 reais.

As ações da Klabin (KLBN4.SA), que divugou aumento de quase 74 por cento no lucro do terceiro trimestre, caíram 1,89 por cento, para 7,28 reais.

“A Klabin apresentou um resultado em linha com a nossa expectativa”, afirmou o analista Luiz Otávio Broad, da Ágora.

Reportagem adicional de Rodolfo Barbosa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below