Justiça obriga Vale a vender minério para guseira Fergumar

terça-feira, 30 de outubro de 2007 18:55 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Companhia Vale do Rio Doce foi obrigada pela Justiça a voltar a vender minério de ferro para a Fergumar, uma das quatro produtoras de ferro gusa que tiveram o fornecimento de minério suspenso no dia 25 por práticas irregulares no processo produtivo.

Segundo comunicado da Vale, a Fergumar ajuizou medida cautelar na Justiça de Açailândia, no Maranhão, requerendo o restabelecimento do fornecimento mínimo mensal de minério.

A empresa, junto com outras três guseiras -- Cosipar, Simasa e Usimar --, é acusada pela Vale de não operar dentro dos padrões ambientais e de acordo com a legislação trabalhista.

A Vale não soube informar o volume mínimo que terá que fornecer à empresa. Em todo o sistema de guseiras do Pará e do Maranhão, a mineradora vende 6 milhões de toneladas de minério de ferro por ano, informou a assessoria.

"A Vale esclarece que dará cumprimento à ordem judicial, mas irá recorrer da decisão através das medidas processuais cabíveis", afirmou a Vale em nota.

(Por Denise Luna)