Jovem confessa ter começado incêndio na Califórnia

quarta-feira, 31 de outubro de 2007 09:50 BRST
 

LOS ANGELES (Reuters) - Um jovem confessou ter começado um incêndio que destruiu 63 estruturas próximas a Los Angeles, informaram autoridades na terça-feira.

O menino, que brincava com fósforos, não foi identificado.

Ele seria um pré-adolescente e foi interrogado pelos investigadores de Los Angeles em 22 de outubro, um dias após o início do incêndio em Buckweed que queimou 15.000 hectares na região de Santa Clarita, a 50 quilômetros do centro de Los Angeles.

O jovem "admitiu que estava brincando com fósforos", disse o porta-voz da polícia, Steve Whitmore.

Inicialmente se achou que problemas em linhas de energia teriam causado o incêndio.

O menino foi mandado para casa após ter confessado o início do incêndio, e os promotores vão avaliar se abrem processo ou não.

O incêndio em Buckweed foi um entre dezenas que atingiram a Califórnia na semana passada, destruindo 2.300 casas, de acordo com o Serviço de Emergências da Califórnia.

Os incêndios foram responsáveis por 12 mortes e 78 feridos.

(Por Dean Goodman)