Baixas contábeis do Deutsche Bank aumentam e superam US$11 bi

quinta-feira, 31 de julho de 2008 07:59 BRT
 

FRANKFURT (Reuters) - O Deutsche Bank AG anunciou novas baixas contábeis nesta quinta-feira, elevando o total de perdas decorrentes da crise financeira global para mais de 11 bilhões de dólares.

A instituição financeira alemã anteriormente era vista como uma das poucas que poderia sair ilesa da crise, mas o lucro antes de impostos do grupo no segundo trimestre caiu para 642 milhões de euros (1 bilhão de dólares), bem abaixo dos 2,7 bilhões de euros de igual período do ano passado.

O Deutsche disse ter registrado uma baixa contábil de 1 bilhão de euros em ativos de hipotecas residenciais e outros 500 milhões de euros relacionados a seguradoras contra default de bônus.

Os investimentos no setor imobiliário comercial custaram ao banco 300 milhões de euros.

As perdas, no entanto, já eram esperadas e as ações do Deutsche tinha ligeira alta nesta manhã, de 0,17 por cento.

"Continuamos cautelosos para o restante de 2008", disse o presidente-executivo, Josef Ackermann.

(Por John Odonnell)