Sinopec aumentará eficiência energética e planeja gastos de US$1,5 bi em 2015

sexta-feira, 27 de junho de 2014 09:34 BRT
 

XANGAI (Reuters) - A maior empresa de refino da Ásia, a Sinopec, planeja gastar cerca de 4 bilhões de iuanes (644,23 milhões de dólares) em mais de 800 projetos em 2014 como parte de uma estratégia para dobrar sua eficiência energética em 10 anos, segundo notícias na mídia local divulgadas nesta sexta-feira.

A Sinopec, conhecida como China Petroleum and Chemical Corp, também investirá perto de 10 bilhões de iuanes (1,61 bilhão de dólares) em cerca de mil novos projetos em 2015, disse o presidente do Conselho da companhia, Fu Chengyu, segundo o China Securities Journal.

A matéria não especificou se seria a controladora, a Sinopec Group, ou a unidade listada que fará os investimentos. Fu é presidente do Conselho de ambas.

Fu disse que a Sinopec vai ampliar a parte de energia limpa em seu mix de produtos e aumentar o desenvolvimento de gás, como também em recursos de petróleo e gás não convencionais. A companhia também vai elevar os gastos em renováveis, como geotérmica, solar, eólica e biomassa.

Como parte de seu programa de eficiência energética, a Sinopec visa aumentar a eficiência em 20 por cento em 2014, ou o equivalente a 14 milhões de toneladas de carvão, ao cortar o consumo em refinarias e usinas de energia e ao melhorar seus sistemas de bombeamento de petróleo.

Até 2020, a Sinopec visa aumentar sua eficiência energética em até 65 por cento, alcançando economia equivalente a 32 milhões de toneladas de carvão.

(Por Fayen Wong e Chen Yixin)