Smartphone da Amazon não consegue impressionar analistas

quinta-feira, 24 de julho de 2014 14:02 BRT
 

(Reuters) - O novo smartphone da Amazon.com, o "Fire", tem "recursos" -- como efeitos em 3D e scanners de objetos -- que podem não ser o bastante para atrair usuários dos iPhones, da Apple, e do Galaxy S5, da Samsung, que têm preços similares, disseram analistas.

Entre os recursos de seu primeiro smartphone, a Amazon tem a "Perspectiva Dinâmica", quatro câmeras que rastreiam o rosto de um usuário e simulam um efeito 3D na tela.

O telefone também conta com um scanner chamado de "Firefly", que permite que usuários apontem o telefone para um objeto e sejam direcionados para a loja online da Amazon para comprá-lo.

Estes recursos, no entanto, não conseguiram impressionar quem analisou o celular, que será vendido nos Estados Unidos a partir de sexta-feira.

Geoffrey Fowler, do Wall Street Journal, disse que o "Fire" não consegue entregar recursos importantes que usuários querem em um smartphone -- longa vida de bateria e a disponibilidade de aplicativos populares, como o YouTube e o Google Maps, do Google.

"O sucesso e o potencial do Fire Phone dependem do Firefly e do Perspectiva Dinâmica -- tecnologias legais e que dependem de que desenvolvedores descubram maneiras melhores de usá-las", disse David Pierce, do The Verge.

"Por enquanto, (as tecnologias) só resolvem um problema que ninguém tem".

(Por Soham Chatterjee)