Ator Robin Williams morreu vítima de asfixia por enforcamento, diz legista

terça-feira, 12 de agosto de 2014 17:17 BRT
 

Por Ann Saphir

SAN RAFAEL Estados Unidos (Reuters) - Ator e comediante renomado e vencedor de um Oscar, Robin Williams se enforcou em sua casa na Califórnia e morreu asfixiado, informou um legista nesta terça-feira com base em investigações preliminares.

Williams, de 63 anos, foi encontrado morto por seu assistente pessoal ao meio-dia de segunda-feira, suspenso por um cinto preso entre uma porta e o batente em posição sentada pouco acima do solo, declarou o vice-legista-assistente do condado de Marin, Keith Boyd, em uma coletiva de imprensa.

“O assistente pessoal do senhor Williams ficou preocupado perto das 11h45, quando bateu na porta de seu quarto e não obteve resposta”, disse Boyd.

“Seu ombro direito estava de encontro à porta, e seu corpo estava em posição perpendicular à porta, ligeiramente suspenso. O senhor Williams já estava frio ao toque, e seu corpo já apresentava rigidez”, acrescentou.

As autoridades também encontraram um canivete perto do ator, e cortes com sangue seco em seu pulso consistentes com a lâmina.

Williams vinha se tratando de depressão, declarou Boyd, mas não disse se encontrou um bilhete suicida.

Os arranjos para o enterro serão decididos pela família, disse o legista. Seu corpo foi liberado pelo instituto médico-legal do condado vizinho de Napa.

Boyd não informou a presença de quaisquer drogas ou álcool e disse que o exame toxicológico irá demorar várias semanas, sublinhando que a investigação está em andamento.   Continuação...

 
Flores foram deixadas na estrela de Robin Williams na Calçada da Fama, em Hollywood, Los Angeles. 12/8/2014  REUTERS/Lucy Nicholson