COLUNA-Discurso de Aécio mostra que ele está longe de ver a batalha perdida

segunda-feira, 1 de setembro de 2014 20:43 BRT
 

(O autor é editor de Front Page do Serviço Brasileiro da Reuters. As opiniões expressas são do autor do texto)

Por Alexandre Caverni

SÃO PAULO (Reuters) - Para quem acha que o candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, não tem mais chances de chegar ao segundo turno, as declarações do presidenciável tucano no fim de semana mostram que ele está longe de considerar a batalha perdida.

No dia seguinte à pesquisa que mostrou Marina Silva (PSB) e Dilma Rousseff (PT) empatadas em primeiro lugar com mais do que o dobro de votos de Aécio, o tucano foi direto ao ponto.

Considerando que a grande maioria da população deseja mudanças, Aécio disse na propaganda da TV que existem dois "principais caminhos" para isso: ele e Marina, mas é ele quem tem condições de fazer as mudanças acontecerem. "Eu respeito a Marina, ela também é uma pessoa com boas intenções”, disse.

"Mas a gente já viu que para mudar tudo que está errado é preciso muito mais que isso. Para governar, para fazer acontecer é preciso ter uma equipe sólida, ideias já testadas e, principalmente, força política para fazer a mudança acontecer de verdade”, acrescentou. “Sem experiência, sem força política o sistema engole as boas intenções da noite para o dia.“

Sem meias palavras, disse que o eleitor quer "uma mudança sem risco", para reforçar ainda mais a falta de um apoio político mais amplo de Marina.   Continuação...