Bovespa recua 1% e fecha abaixo de 58 mil pts por incerteza eleitoral

sexta-feira, 19 de setembro de 2014 18:18 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa fechou em queda nesta sexta-feira, em sessão marcada por volume fraco e repercussão negativa da última pesquisa Datafolha, que reforçou um quadro incerto sobre a corrida presidencial a duas semanas da eleição.

O Ibovespa encerrou em queda de 1 por cento, a 57.788 pontos, após oscilar entre 57.513 pontos e 58.516 pontos.

Na semana, o índice acumulou alta de 1,51 por cento, reduzindo as perdas no mês a 5,71 por cento.

Ajustes ligados ao rebalancemanto do índice FTSE para América Latina e também ao S&P ajudaram a melhorar o volume no final do pregão, e o giro do dia somou 7,8 bilhões de reais.

Até as 17h05, o volume estava em 5,7 bilhões de reais, bem abaixo da média diária de setembro, de 8,7 bilhões de reais.

A perda do fôlego de Wall Street, após abertura em alta, em sessão marcada pela estreia da gigante chinesa de comércio eletrônico Alibaba na bolsa de Nova York, eliminou um dos suportes do pregão no Brasil.

O Ibovespa fechou a semana no mesmo patamar de um mês atrás, quando o Datafolha divulgou o primeiro levantamento incluindo Marina Silva como candidata à Presidência pelo PSB, antes mesmo do anúncio oficial pelo partido.

Os mais recentes levantamentos eleitorais têm mostrado um quadro incerto para o pleito de outubro.   Continuação...