Homens armados invadem campo de petróleo na Líbia

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015 08:14 BRST
 

TRÍPOLI (Reuters) - Homens armados invadiram o campo de petróleo de Al-Mabrook, na região central da Líbia, disseram autoridades da área de petróleo e do Exército nesta quarta-feira, na mais recente ação violenta contra uma instalação petrolífera no país do norte da África.

Grupos armados aliados aos dois governos rivais que controlam partes diferentes do país produtor de petróleo travam uma disputa violenta pelo comando da Líbia, quatro anos após a queda do líder Muammar Gaddafi.

A produção de petróleo caiu para apenas um quinto do que era, uma vez que os principais portos e campos de petróleo foram atingidos por confrontos que podem resultar numa divisão do país, na avaliação do Ocidente.

"Homens armados invadiram o campo de petróleo de Mabrook na noite passada", disse o porta-voz da National Oil Corp (NOC), Mohamed El Harari, sem fornecer detalhes.

As operações no campo, localizado ao sul de Sirte, foram fechadas após confrontos que também fecharam o porto de Es Sider, em dezembro. O local costumava produzir 40.000 barris por dia.

A francesa Total, que opera o campo com a NOC, disse que já havia retirado seu pessoal do local.

(Reportagem de Ulf Laessing, Ayman al-Warfalli e Feras Bosalum)