Marinha do Irã dispara contra navio-tanque de Cingapura no Golfo

quinta-feira, 14 de maio de 2015 16:39 BRT
 

WASHINGTON/LONDRES (Reuters) - Navios da Marinha iraniana dispararam contra um navio-tanque com bandeira de Cingapura no Golfo Pérsico nesta quinta-feira no que pareceu ser a última tentativa iraniana de resolver uma disputa legal pela força com uma embarcação comercial de passagem, disseram autoridades dos Estados Unidos.

Perto do meio-dia no Golfo Pérsico (5h em Brasília), cinco navios da Marinha da Guarda Revolucionária do Irã se aproximaram do Alpine Eternity, levando o navio-tanque repleto de derivados de petróleo a buscar refúgio nas águas dos Emirados Árabes Unidos, afirmaram as autoridades.

Um funcionário dos EUA, falando sob condição de anonimato, disse que o Irã havia tentado interceptar a embarcação em águas internacionais, já que Teerã afirma que o barco é passível de ser processado por prejudicar a plataforma de petróleo iraniana que atingiu em 22 de março.

O incidente foi um sinal da escalada nas tensões duas semanas depois de navios-patrulha iranianos desviarem a rota de um navio cargueiro com bandeira das Ilhas Marshall do Estreito de Hormuz para resolver um caso de dívida que durava anos.

O Pentágono não quis dizer se irá ordenar novamente que navios de guerra norte-americanos acompanhem embarcações comerciais de passagem pelo estreito, como fez após o episódio mais recente.

(Reportagem de Phil Stewart, em Washington; e de Jonathan Saul, em Londres)