Diferença entre Marina e Aécio cai, Dilma tem vantagem no 2º turno, diz Ibope

terça-feira, 30 de setembro de 2014 21:11 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Pesquisa Ibope divulgada nesta terça-feira mostrou queda da candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, que viu sua diferença sobre o terceiro colocado, Aécio Neves (PSDB, cair a 6 pontos percentuais, enquanto a presidente Dilma Rousseff (PT) passou a ter vantagem numérica num segundo turno contra a ex-senadora.

Nas intenções de voto para o primeiro turno, Dilma passou a 39 por cento das intenções de voto, oscilando 1 ponto para cima em relação à pesquisa da semana passada, enquanto Marina caiu a 25 por cento (ante 29 por cento) e Aécio permaneceu com 19 por cento. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.

Os números reforçam a tendência apontada por diferentes pesquisas nos últimos dias, de redução da vantagem de Marina sobre Aécio, mesmo que pelo Ibope o tucano tenha mantido a taxa de intenções de voto do levantamento anterior.

Os demais candidatos seguem somando 3 por cento. Também não houve mudança nos que planejam votar em branco ou anular, que somam 7 por cento. Mas os indecisos oscilaram para cima, a 7 por cento, ante 5 por cento na semana passada.

Em simulação de segundo turno entre as duas candidatas, Dilma foi a 42 por cento e Marina a 38 por cento, de modo que estão no limite do empate técnico. Na semana passada as duas estavam empatadas em 41 por cento.

No confronto entre a presidente e o tucano, a vantagem da petista ficou praticamente inalterada: 45 a 35 por cento, ante 46 a 35 por cento.

O Ibope ouviu 3.010 eleitores entre os dias 27 e 29 de setembro, em 203 municípios.

(Por Alexandre Caverni)