6 de Outubro de 2014 / às 02:37 / 3 anos atrás

Aécio diz que mudança venceu 1º turno e PSDB busca eleitores de Marina

Candidato à Presidência do PSDB, Aécio Neves, discursa após resultado da eleição. O tucano disputará o segundo turno contra a pressidente Dilma Rousseff, que tenta a reeleição. REUTERS/Jackson Romanelli

(Reuters) - O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, comemorou sua chegada ao segundo turno da eleição contra a presidente Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, e afirmou que o sentimento da mudança venceu neste domingo.

Em pronunciamento em Belo Horizonte, capital do Estado que o elegeu duas vezes governador e uma vez senador, Aécio disse que a maioria dos votos no primeiro turno foi para candidatos que defendem a mudança em relação ao atual governo.

“A minha primeira constatação é de que esse sentimento de mudança, amplamente presente em todo o Brasil, já foi vitorioso no primeiro turno. Os candidatos de oposição somados foram vitoriosos, tiveram a maioria dos votos”, disse. “E é isso que temos que buscar no segundo turno.”

Com a apuração pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) praticamente concluída, Aécio e Marina Silva (PSB), que ficou em terceiro lugar, tinham juntos 57,1 milhões de votos, contra 43,3 milhões de Dilma.

“Todos aqueles que tiverem uma contribuição a dar à nossa plataforma, no nosso projeto de governo e na construção da nossa vitória, serão extremamente bem-vindos”, disse o candidato, acrescentando que até o momento não fez contato com outros partidos na busca por apoio no segundo turno.

“Eu tenho enorme respeito pessoal pela ex-ministra e senadora Marina Silva, mas tanto em relação a ela quanto a outras lideranças, é preciso que nós aguardemos que cada um tome o caminho que achar mais adequado”, acrescentou.

Marina disse que o PSB e os demais partidos da coligação “Unidos pelo Brasil” irão se reunir individualmente nos próximos dias para discutir os rumos do segundo turno, mas sinalizou que poderia apoiar a candidatura da oposição. [nL2N0S106E]

ACIMA DO ESPERADO

Uma fonte do PSDB disse à Reuters que o desempenho de Aécio surpreendeu mesmo os mais otimistas do partido, sobretudo no Estado de São Paulo, maior colégio eleitoral do país e onde o tucano teve quase 10,2 milhões de votos, contra 5,9 milhões de Dilma.

Mesmo a derrota do senador mineiro em sua terra natal não foi considerada ruim, porque as pesquisas de intenção de voto indicavam que Aécio teria desempenho muito pior do que o obtido em Minas: no Estado, ele obteve 4,4 milhões de votos, enquanto a presidente ficou com 4,8 milhões.

Em um gesto de aproximação à campanha do PSB durante seu discurso, Aécio prestou uma homenagem a Eduardo Campos, que concorria à Presidência pelo partido socialista, mas após a morte trágica em um acidente aéreo em agosto foi substituído por Marina, que até então concorria como vice.

“A ele e seus ideais e a seus sonhos também, a minha reverência, que nós saberemos juntos transformá-los em realidade”, disse Aécio.

“Portanto é hora de unirmos as forças. A minha candidatura não é mais a candidatura de um partido político ou de um conjunto de alianças. É o sentimento mais puro de todos os brasileiros que ainda têm a capacidade de se indignar, mas principalmente a capacidade de sonhar”, disse.

Segundo a fonte do PSDB, que falou sob condição de anonimato, nas três semanas até o segundo turno, no dia 26, a campanha tucana reforçará o discurso de mudança. A estratégia será mirar para o Sudeste, que concentra quase 44 por cento dos eleitores de todo o Brasil.

“Mais do que o apoio da Marina, temos que garantir o eleitor dela”, disse a fonte.

“O Estado do Rio de Janeiro é onde há mais eleitores órfãos, já que mais de 30 por cento votaram em Marina. Temos que reforçar a aliança com alguns partidos e lugares”, acrescentou a fonte, citando Rio Grande do Sul e Distrito Federal, além do Rio.

Por Cesar Bianconi e Jeferson Ribeiro

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below