Bovespa dispara após surpresa com desempenho de Aécio no 1º turno da eleição

segunda-feira, 6 de outubro de 2014 11:40 BRT
 

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa chegou a subir 8 por cento na manhã desta segunda-feira, refletindo a animação no mercado financeiro com o desempenho do candidato de oposição Aécio Neves (PSDB) no primeiro turno da eleição presidencial no domingo.

O Ibovespa desacelerou a alta, mas ainda tinha valorização expressiva. Às 11h33, o índice avançava 5,09 por cento, para 57.316 pontos, tendo alcançado os 58.897 pontos na máxima até esse horário.

O volume financeiro no pregão somava 5,2 bilhão de reais.

Em uma arrancada final surpreendente, o tucano garantiu vaga no segundo turno com muito mais facilidade do que as últimas pesquisas apontavam e ainda se aproximou da primeira colocada, a presidente Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, como em nenhum momento da campanha.[nL2N0S0173]

"A votação de Aécio Neves foi absolutamente surpreendente e não pela sua ida ao segundo turno, mas pela expressiva soma de votos... Em nenhuma sondagem eleitoral o senador tucano estava tão bem posicionado", afirmou o analista Marco Aurélio Barbosa, da CM Capital Markets, em nota a clientes.

Operadores e analistas têm manifestado insatisfação com as diretrizes econômicas do governo Dilma. Perspectivas de alternância em Brasília têm servido como argumento para compras na bolsa nos últimos meses e vice-versa.

O sócio e diretor de estratégia na consultoria Arko Advice, Thiago Aragão, também destacou que o resultado de Aécio foi bem acima das expectativas, e avaliou que a disputa agora será "tête-à-tête, em igualdade de condições --pelo menos do que diz respeito a tempo na televisão e recursos financeiros".

Dilma teve 41,6 por cento dos votos válidos e Aécio com 33,6 por cento.   Continuação...

 
Relfexo de operador em tela de terminal financeiro. REUTERS/Lucas Jackson