19 de Outubro de 2015 / às 12:11 / em 2 anos

"Goosebumps: Monstros e Arrepios" supera "Perdido em Marte" no topo das bilheterias dos EUA

LOS ANGELES (Variety.com) - “Goosebumps: Monstros e Arrepios” levou uma onda de nostalgia para o topo das bilheterias dos cinemas da América do Norte no fim de semana, quando a adaptação da popular série de livros infantis arrecadou 23,5 milhões de dólares em sua estreia.

Jack Black, membro do elenco de "Goosebumps: Monstros e Arrepios", durante evento do filme em Los Angeles. 04/10/2015 REUTERS/Danny Moloshok

O filme superou a produção da Fox “Perdido em Marte”, ficção científica que tentava ser o filme número um das bilheterias pela terceira semana seguida. O longa acrescentou 21,5 milhões de dólares aos 143,8 milhões já arrecadados.

Foi um fim de semana cheio para os cinemas, à medida que quatro lançamentos buscavam a atenção do público.

Além de “Goosebumps”, o grande vencedor foi “Ponte de Espiões”, drama de Steven Spielberg ambientado na Guerra Fria, que recebeu boas críticas e rumores de uma possível indicação ao Oscar. O longa arrecadou mais de 15 milhões de dólares. A Disney está distribuindo a história de um advogado (Tom Hanks) que defende um espião russo (Mark Rylance). A DreamWorks produziu o filme de 40 milhões de dólares.

“A Colina Escarlate” não foi tão bem. O romance gótico do diretor Guillermo Del Toro se provou muito diferenciado para o público tradicional, ganhando 12,6 milhões de dólares na estreia. A história sobre uma noiva virginal (Mia Wasikowska) que se muda para uma mansão assombrada custou 55 milhões de dólares. A Legendary Pictures financiou o filme inteiramente e a Universal está distribuindo o longa.

“Beasts of No Nation”, drama de Cary Fukanaga sobre crianças soldados na África, gerou manchetes quando a Netflix superou todos ao oferecer 12 milhões de dólares pelos direitos do filme. O longa estreou simultaneamente no serviço de streaming da companhia e em 31 cinemas, mas registrou pouca bilheteria.

É difícil chamar o filme de fracasso, no entanto, dado que a Netflix é mais interessada em oferecer algo exclusivo para seus assinantes e que diferencie o serviço de outros parecidos. Uma estreia no cinema está sendo feita em grande parte para classificar “Beasts” para prêmios.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below