Cidade canadense atingida por incêndio retoma produção de petróleo

terça-feira, 10 de maio de 2016 15:05 BRT
 

Por Rod Nickel

FORT MCMURRAY, Alberta (Reuters) - As empresas de extração de petróleo de areias betuminosas que operam nos arredores de Fort McMurray, cidade canadense atingida por um incêndio florestal, esperam retomar a produção nesta terça-feira, depois que uma inspeção inicial revelou que a localidade foi menos danificada do que se temeu a princípio.

A primeira-ministra da província de Alberta, Rachel Notley, deve se reunir com executivos das empresas do setor energético um dia depois de as autoridades descobrirem que cerca de 90 por cento dos estabelecimentos comerciais e das residências sobreviveram ao incêndio iniciado em 1o de maio, que forçou a retirada de 88 mil pessoas.

A petroleira Royal Dutch Shell reiniciou a produção de sua operação no centro da região de areias betuminosas do Canadá, e a Enbridge começou a inspecionar suas instalações e preparar planos para retomar as atividades interrompidas pelas chamas.

"Estas são circunstâncias difíceis", disse Al Monaco, executivo-chefe da Enbridge, em um comunicado. "Temos uma equipe bem treinada e experiente que desenvolveu um plano logístico detalhado que permite uma reativação segura de nossos oleodutos e terminais."

As autoridades sofreram com os problemas de transporte enquanto o fogo se espalhava por uma área de 229 mil hectares de Alberta, rumando para o leste e se juntando a outro incêndio que ardia perto de Campbell Lake, cerca de 50 quilômetros ao leste de Fort McMurray. Os especialistas que controlam os locais de produção de petróleo também estavam entre os moradores expulsos pelas chamas.

Em mais um sinal de que uma recuperação está a caminho, a quantidade de eletricidade produzida por usinas de co-geração na região aumentou no início desta terça-feira com a reativação da usina de 510 megawatts da Syncrude Energy Inc. Mesmo assim, só 21 por cento da capacidade total estão disponíveis.

Os preços do petróleo canadense caíram nesta terça-feira, ficando abaixo do valor de referência do petróleo norte-americano, já que os sinais de retomada da produção diminuíram os temores a respeito da distribuição.

 
Casas queimadas em Fort McMurray após incêndio enorme. 9/5/2016. REUTERS/Chris Wattie