Apesar de problemas, COI mantém otimismo e diz que Olimpíada será um sucesso

domingo, 31 de julho de 2016 18:09 BRT
 

Por Karolos Grohmann

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Rio de Janeiro vai realizar uma Olimpíada muito bem sucedida, disse neste domingo o Comitê Olímpico Internacional(COI), apesar dos atrasos na preparação, da falta de dinheiro e de o país estar atravessando sua pior crise política e econômica em décadas.

    A primeira edição dos Jogos na América do Sul começará no dia 5 de agosto, e os organizadores ainda correm para finalizar algumas instalações.

    A Linha 4 do metrô que leva até o Parque Olímpico foi inaugurada apenas no sábado, em um momento no qual o país passa pela sua pior recessão desde a década de 1930. [nL1N1AG09Z]

A obra, que custou quase 10 bilhões de reais e chega até a Barra da Tijuca, onde está o Parque Olímpico e a Vila Olímpica, é fundamental para o transporte das dezenas de milhares de torcedores e esportistas entre as diferentes locais de competição.

    Mas os trabalhos não param, e funcionários ainda fazem o acabamento dos locais de prova e consertam problemas nas acomodações dos atletas.

    A principal rampa da Marina da Glória desabou no sábado, dando mais uma dor de cabeça aos organizadores.

“Há alguns desafios de última hora, mas nossos amigos brasileiros estão cuidando deles”, disse o presidente do COI, Thomas Bach. “Tudo está se acertando. Esperamos uma grande edição dos Jogos Olímpicos.”

    “Estamos mais confiantes do que nunca de que teremos grandes Jogos Olímpicos no Rio, daqui a cinco dias. Olimpíadas à la Brasil.”   Continuação...