Localiza: redução do IPI não tem efeito sobre caixa da companhia

terça-feira, 22 de maio de 2012 17:35 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 22 Mai (Reuters) - A redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para automóveis anunciadas na segunda-feira pelo governo não tem impacto sobre o caixa da Localiza, afirmou nesta terça-feira o diretor financeiro e de Relações com Investidores da companhia, Roberto Mendes.

"Não tem impacto sobre o caixa, já sabemos disso pela experiência em 2008", disse ele durante apresentação no Rio Investors Day. "Se o carro usado perdeu o valor quando o vendemos, o novo também perde (quando a Localiza compra)", explicou.

Na segunda, o governo anunciou medidas para estimular o crescimento da economia doméstica, entre elas a redução do IPI sobre veículos. Os modelos mais beneficiados são os com motor de 1 mil cilindradas, que terão o imposto reduzido de 7 por cento para zero, dentro do regime automotivo, até 31 de agosto.

A expectativa é que os preços dos automóveis novos caíam até 10 por cento, já que as montadoras também se comprometeram com o governo a oferecer descontos.

Sobre o prazo de concessão do benefício do IPI menor, de pouco mais de três meses, o executivo da Localiza evita apostar que ele não será estendido. "Da outra vez, foram quatro prorrogações", afirmou.

As ações da Localiza terminaram a terça-feira em queda de 7,66 por cento, a 29,66 reais, após terem avançado 6,5 por cento na véspera. O Ibovespa, principal índice da bolsa paulista, recuou 2,74 por cento, segundo dados preliminares.

Em relatório, o Itaú BBA avaliou que o pacote de estímulo à economia é negativo para a Localiza. "As vendas de carros usados provavelmente serão afetadas por essas medidas e nós acreditamos que a companhia terá custos mais elevados de manutenção (na medida em que a frota fica mais velha) e maior depreciação", afirmou a analista Renata Faber, do Itaú BBA.

(Por Juliana Schincariol)