Astronautas da Estação Espacial flutuam dentro de nave privada

sábado, 26 de maio de 2012 16:27 BRT
 

Por Irene Klotz

CABO CANAVERAL, EUA (Reuters) - Astronautas a bordo da Estação Espacial Internacional abriram a escotilha e flutuaram dentro de uma cápsula Dragon da empresa Space Exploration Technologies neste sábado, a primeira nave privada a alcançar o posto orbital, informou a Nasa.

O comandante da estação, Oleg Kononenko, e o engenheiro de voo, Don Pettit, abriram a escotilha para a Dragon pouco antes das 7h (horário do Brasil), disse o analista da missão da Nasa Josh Byerly do Controle da Missão em Houston.

A cápsula em forma de sino, que faz seu segundo voo-teste, chegou à estação espacial na sexta-feira.

A tripulação usava máscaras e óculos de proteção, mas o interior da Dragon, que tem o tamanho de um closet grande, mostrou-se limpo.

"Não havia nenhum sinal de nenhum tipo (de destroços) voando em torno", Pettit disse via rádio para o Controle da Missão, acrescentando que a Dragon "tinha o cheiro de um carro novo".

"Parece que leva a mesma quantia de carga que eu posso colocar no porta-malas da minha caminhonete", disse Pettit mais tarde a jornalistas durante uma coletiva de imprensa a bordo.

"Não há espaço suficiente aqui para dançar uma quadrilha, mas para o transporte de equipe da atmosfera terrestre para o espaço e vice-versa, que é por um período curto, há bastante espaço aqui para a equipe prevista", disse Pettit.

A Space Exploration Technologies, ou SpaceX, está trabalhando em uma versão da Dragon que possa transportar sete passageiros, e que deve ficar pronta para testes de voo em 2015.

A cápsula da estação espacial levou cerca de 544 quilos de alimentos e outros suprimentos para a estação, todos itens não-essenciais porque a Nasa e a SpaceX não sabiam de antemão se ela conseguiria chegar até a estação.

Depois do lançamento de terça-feira dentro de um foguete Falcon 9 da SpaceX da Estação da Força Aérea de Cabo Canaveral na Flórida, a Dragon tinha que mostrar que poderia ser comandada e controlada por operadores em solo e pela tripulação da estação espacial em órbita.